12/01/2018

Não me venha
com meias verdades,
não me profira
meias palavras.

Me prepare
uma meia de seda,
pois,  é meia noite
sejas minha metade.

Vista a meia de liga
o sutiã meia taça.
Uma música romântica
pra dançar à meia luz.

Dispa-se depressa
do orgulho e vaidade
o que importa agora,
 é saciar nossa vontade.

© Valter Montani
Visite também:
Meu blog de cartões: POETACARDS
Selos & Prêmios: GALERIADOPOETA 
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

POSTS MAIS COMENTADOS