21/12/2017


Essência de Poeta


Nós poetas vagamos entre o amor e a razão,
entre o doce sabor da glória e a dor da decepção.
Às vezes, temos a doce companhia da pessoa amada.
noutras, apenas cabe-nos a amargura da solidão.
Mas, jamais será imputado aos poetas,
a angústia por não ser correspondido.
pois, para nós o sentimento é o que vale,
quando com muita intensidade vivido.
O amor dos poetas é na maioria das vezes, puro
por mais, que tentem fazê-lo corrompido.
é completo na sua mais profunda essência,
e, por muitas vezes não é compreendido.

Os poetas são eternos apaixonados pela vida,
que se encantam com um singelo botão de rosa,
mesmo que seus espinhos lhe provoquem ferida.
Enxergamos beleza em tudo e convertemos em
verso e prosa.

A gente se encanta com o sorriso de uma criança!
com o pôr-do-sol de um domingo ensolarado,
uma palavra amiga ou simples gesto de esperança.
e sorrimos, sempre que sentimos uma doce lembrança.
© Valter Montani

Boas Festas e um 2018 repleto de realizações
para você e estimada família!
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

POSTS MAIS COMENTADOS