13/11/2012

Insônia

                                    INSÔNIA 


Uma certa noite,
recostado em meu leito,
senti uma forte saudade
a corroer meu peito.

Munido do poder
somente aos poetas ofertado
viajei através do pensamento
e encontrei-me a seu lado.

Nesta viagem sem limites
pude rever-te e, naquele momento,
sentir a alegria me invadindo
banindo-me do sofrimento.

Estava você, como sempre, bela:
lábios carnudos, voz firme empostada
sorriso cativante, cabelos macios
pele jovial e bronzeada.

Ah, que momento maravilhoso!
Fez-me sentir um príncipe
ladeado por tão bela princesa...

Mas, de volta para a realidade
que nada tinha a ver com a nobreza,
fez-me somente o vazio contemplar.

É tudo o que sua ausência me proporciona;
fitei o vazio e voltei a pensar.

Onde estaria você naquele momento?
Certamente encantando um outro
pela sua presença embriagado,
pelo seu modo de ser envolto.

Na penumbra de meu quarto,
por um, talvez dois quartos de hora,
fiquei parado, o infinito a fitar
até minha lucidez ir embora.

Sua falta me arremessa ao vazio
que somente quem é especial oferece...
Então, por que não deixa seu orgulho de lado
esquece tudo o que passou e reaparece?
© Valter Montani
Revisão de Texto: Regina Azevedo 
conheça meus outros blogs:

Clicksdopoetafotografias e afins
Selos & Prêmios : Galeria do Poeta
Poetacardscartões com pensamentos  

New:Bloglivro: somente texto

 
 

8 comentários:

  1. Parabéns pelo belo Blog, pelas lindas poesia...te seguindo

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelo belo Blog, pelas lindas poesia...te seguindo

    ResponderExcluir
  3. Meu querido amigo poeta Walter,
    passei para a visita habitual e para dizer que Sua alma de poeta cativou meu coração que vagueia pelos versos insanos...
    Beijos com sabor de pão de queijo mineiro,
    Martha

    ResponderExcluir
  4. Meu querido poeta

    Como sempre um belo poema...inspiração à flor da pele.
    Saudades de passar aqui, mas o tempo tem sido pouco.


    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  5. Não sei porque te perdi, mas minha saudade lhe fez pesquisar outro meio que não fosse através do Blog, há muito não consigo comentar, e sinto uma saudade dessa lindeza que vejo por aqui. Abraço apertado e uma feliz tarde!

    ResponderExcluir
  6. Querido amigo Valter:
    Un poema hermoso y bello, cautivador y terriblemente sensual.
    Me alegra poder volver a saludarte.
    Un fuerte abrazo, tu amigo: ANTONIO

    ResponderExcluir
  7. Valter!!

    Parabens pelo maravilhoso trabalho...apaixonante!

    beijão
    veraportella

    ResponderExcluir

Olá Visitante, Amigo & Parceiro

Obrigado por sua visita, se puder deixe seu comentário será muito importante para que eu saiba qual a sua opinião sobre o meu trabalho.

Deixe aqui também suas sugestões e criticas quando quiser

PS.:EU ACEITO CORREÇÕES ORTOGRÁFICAS E AGRADEÇO

Valter Montani

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Clique aqui e leia:

Clique aqui e leia:
Florbela Espanca

Dicas & Afins:

fale@comigo

Minha foto

Sou um Poeta que outrora oculto, graças ao incentivo de amigos vem publicando seus escritos através dos Blogues: "Valter Poeta" e "poeta Cards", os quais tenho a honra de convidar-lhe a conhecer.

http://valterpoeta.blogspot.com/
http://poetacards.blogspot.com/
http://clickdopoeta.blogspot.com/
http://bloglivrovalterpoeta.blogspot.com/

Valter Montani, Casado, Economista, Auditor de Meio Ambiente pela   Fundação Vanzolini,   Especializado em    Qualidade pelo PECE-Escola Politécnica da USP.
ATENÇÃO: 
 ALGUMAS IMAGENS UTILIZADAS NOS MEUS BLOGUES SÃO ORIUNDAS DA NET, SEM OS DEVIDOS CRÉDITOS. 
QUALQUER PROBLEMA FAVOR ENTRAR EM CONTATO. MEUS BLOGUES NÃO VISAM NENHUM TIPO DE LUCRO FINANCEIRO, FORAM CRIADOS APENAS PARA DIVULGAR MINHAS POESIAS, PENSAMENTOS E FOTOGRAFIAS.

SAUDAÇÕES!

Valter Montani

Mais informações:

Este Blog foi criado para divulgar minhas poesias e fotografias e fazer novas amizades. Claro que cultivando sempre as amizades que venho criando no decorrer dos anos. Sou um Poeta que foi "de gaveta" se tornando conhecido graças a Internet e aos amigos que me incentivam e divulgam sempre. A Poesia inicialmente serviu para que eu quebrasse o muro que me separava das demais pessoas, barreira que eu mesmo criei pela postura rebelde e radical. Cada escrito é como se fosse um filho, portanto cuide bem deles e não esqueça sempre de mencionar o nome do pai. Valter Montani Algumas imagens que eu estou utilizando foram encontradas na Internet sem os devidos créditos, qualquer dúvida ou reclamação de autoria peço a gentileza de entrar em contato comigo através do e-mail. Valter Montani "In perpetuum Omnia sunt bominum tenui pendentia filo Peractis peragendis, ermitte divis cetera Post nubilas Phoebus Omnia vincit amor et nos cedamus amori Per omnia saecula saeculorum." da amiga Karla Julia

Sociedade Amigos do Poeta

Sociedade Amigos do Poeta
GRATIDÃO! A galera que me incentivou e então, começou tudo: Chris, Tata, Cristiano, Andre, Eduardo, Christian, Rossi e eu(agachado), clique: Professora Regina Azevedo-MBA de Gestão das Tecnologias da Qualidade - Escola Politécnica da USP

SAL - Serviço de Atendimento ao Leitor

Nome

E-mail *

Mensagem *