19/04/2010

Solidariedade

“No livro da tua vida
mesmo nos capítulos de dor

faça uso da generosidade

construa uma história de amor.”



Valter Montani

Muitas catástrofes estão acontecendo, muitas ainda estão por vir. Pessoas necessitarão de apoio em todas as partes do mundo. Ninguém está livre da dor, perda e toda sorte de martírios.

Mas, existe uma forma de aliviar a dor alheia: é estender a mão, apoiar nos momentos difíceis, ajudar a recomeçar.

Se hoje temos condições de ajudar alguém, então por quê não fazê-lo? E devemos torcer, para que sejamos sempre aquela mão que se estenda para ajudar alguém a se levantar , e se possível , nunca ser mão que desesperada, implora por socorro.

PS.: Hoje é "Dia do Índio" eu tive a oportunidade (privilégio) de trabalhar em eventos sobre Meio Ambiente e Gestão Ambiental que contaram com a participação de diversas "Nações Indígenas" não somente eu, mas tenho certeza que a grande maioria das pessoas que conviveram durante o período daqueles eventos aprenderam muito com eles. Esses povos necessitam da nossa solidariedade para que o avanço do agronegócio, exploração da madeira e outras atividades que destroem o meio ambiente não acabe de vez com a cultura indígena. A situação é grave, principalmente no cerrado. Quem puder, ajude!

20 comentários:

  1. Gostei muito! Solidariedade é tudo o de que precisamos para socorrer todos os seres humanos, sobretudo os da cultura indígena.
    Tentarei ajudar, amigo.
    Muito obrigada.
    Beijos, Válter.
    Boa Semana!
    Renata

    ResponderExcluir
  2. A caridade é a maior virtude de um ser humano...grande gesto esse teu.

    Aqui em meu estado, há uma polemica com a construção da usina de belo monte, temo por uma guerra com os índios,acabaram-se o respeito pelos povos indígenas.
    E tu que conviveste com eles, acreditas em magias?


    Um grande beijo poeta.

    ResponderExcluir
  3. Obrigado pelo comentários amigas, quem puder ajudar aos índios estará ajudando indiretamente a toda a humanidade, pois, eles são a última fronteira que nos separa da destruição completa.
    Quanto a pergunta da Felina, sim eu acredito em magia. Mas, infelizmente existe muito ilusionismo. bjs

    ResponderExcluir
  4. Bom dia!
    Maravilhoso seu post.
    Ser solidário é nossa missão, é manter o olhar atento as vozes que gritam por socorro, arriscando a própria vida, é ser a voz dos humildes, ir contra as injustiças.
    É apertar a mão do nosso irmão, é ser mensageiro, da paz, da esperança e do amor.
    Eu faço minha parte a ajudo sempre que posso.
    Vim através do blog da minha madrinha Felina Mulher.
    Tenha uma semana especial.
    Bj

    ResponderExcluir
  5. Meu poeta preferido, bom dia!

    Hoje ao abrir meu Outlook aqui do trabalho que tomei consciência que hoje é o dia do índio. Á alguns anos atrás antes e durante a época da faculdade, todos os anos participava de manifestações e ajudas aos índios e outras classes ligadas à natureza. Hoje com essa correria do dia-a-dia que se tornou a minha vida, principalmente no campo profissional tenho deixado no esquecimento coisas que acredito e que são fundamentais na minha vida. Mas o bom é que tenho na minha lista de amigos pessoas lindas e especiais como vc pra me lembrar destas datas importantes. Obrigada querido! Quanto à solidariedade, esta ainda faz parte de uma maneira forte e muito presente na minha vida, devido a ONG que fundamos junto com a minha outra família que é da comunhão espírita.

    Um abraço com muita paz e luz!

    ResponderExcluir
  6. É isso aí amigo, concordo totalmente.
    Boa semana, beijos.

    ResponderExcluir
  7. Os solidários hoje em dia são poucos, ainda bem que textos como esse nos desperta, acorda em nós uma vontade de ajudar ao próximo...
    Parabéns!
    Bjs
    Mila

    ResponderExcluir
  8. Sim quem puder ajude sempre, pois as pessoas estão esquecendo de dar as mãos...paz.

    ResponderExcluir
  9. Amigo! Sou Espírita, portanto ontem num dos trabalhos q realizamos recebemos o recado de um ÍNDIO mt preocupado com a questão ambiental, e fez o mesmo apelo que vc faz agora! Tudo culpa do próprio homem,entao façamos um pouquinho do que nos cabe e mantemos pelo menos a consciencia aliviada. Parabéns!

    ResponderExcluir
  10. Amigo! Sou Espírita, portanto ontem num dos trabalhos q realizamos recebemos o recado de um ÍNDIO mt preocupado com a questão ambiental, e fez o mesmo apelo que vc faz agora! Tudo culpa do próprio homem,entao façamos um pouquinho do que nos cabe e mantemos pelo menos a consciencia aliviada. Parabéns!

    ResponderExcluir
  11. Amigo! Sou Espírita, portanto ontem num dos trabalhos q realizamos recebemos o recado de um ÍNDIO mt preocupado com a questão ambiental, e fez o mesmo apelo que vc faz agora! Tudo culpa do próprio homem,entao façamos um pouquinho do que nos cabe e mantemos pelo menos a consciencia aliviada. Parabéns!

    ResponderExcluir
  12. Meu amigo
    Concordo plenamente com todas as palavras do seu texto.
    Se virar-mos a cara e não encarar a realidade...nunca nada é resolvido.

    beijinhos
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  13. Solidariedade. Eis a palavra chave pra salvação desse mundo tão sofrido, mas tão bonito.
    Abraços Valter!

    ResponderExcluir
  14. Valter,
    Com certeza é uma aberração e uma degladiação á olhos vistos. Nossos índios sendo literalmente disseminados.
    Nosso país, nosso planeta, enfim.
    Precisamos sim formar uma corrente espiritual para emanar além de paz, um despertar de cosnciência.
    Lindo texto.
    Bjos
    Ale

    ResponderExcluir
  15. A gente nunca se perde por ser generoso.
    É uma grande virtude.
    Tenha um ótimo feriado e beijinhos de luz!

    ResponderExcluir
  16. A vida deve ter solidariedade e amor todos os dias.
    Gostei do post que encontrei na minha primeira visita.

    ResponderExcluir
  17. Olá Valter

    Gostei do seu post!
    Solidariedade deveria ser uma disciplina obrigatória na escola para aprendermos desde pequenos que só ajudando ao outro conseguimos criar um mundo digno de viver!

    Abraço

    ResponderExcluir
  18. No misterio do sem-fim equilibra-se um planeta. E no planeta um jardim e no jardim um canteiro no canteiro uma violeta e sobre ela o dia inteiro entre o planeta e o sem-fim a asa de uma borboleta.

    Cecília Meireles

    Feliz Noite........Beijos! M@ria

    ResponderExcluir
  19. No misterio do sem-fim equilibra-se um planeta. E no planeta um jardim e no jardim um canteiro no canteiro uma violeta e sobre ela o dia inteiro entre o planeta e o sem-fim a asa de uma borboleta.

    Cecília Meireles

    Feliz Noite........Beijos! M@ria

    ResponderExcluir
  20. Puxa vida, amigo, eu esqueci!
    Mas todo dia é dia de Índio.
    Então, ainda há tempo de comemorar.
    Viu Avatar?
    E o governo pretende contruir uma hidrelétrica no rio Xingu!!!
    Para a obra será preciso abrir um canal de centenas de quilômetros para retificar uma parte do rio. Pelas dimensões da obra, ela está sendo comparada a construção do Canal do Panamá. Os índios estão prostestando!!
    Vamos protestar também???
    As terras não são diretamente afetadas pela hidrelétrica. Mas temem que as obras no rio perturbem a migração de peixes, importante para a alimentação e a cultura dos índios, além de reduzir a vazão de um trecho de rio em centenas de quilômetros, prejudicando a população de lá.
    A obra em terra indígena lembra o tema Avatar.

    Parabéns poeta!
    Estou aqui em uma floresta tropical luxuriante.
    Em conexão com a biodiversidade.
    Fugi da cidade para manter a harmonia com a natureza.
    Vamos lutar para salvar essa beleza da devastação.

    Para você um abração.
    Diretamente do planeta Pandora
    De uma nativa Na’vi
    Fátima

    ResponderExcluir

Olá Visitante, Amigo & Parceiro

Obrigado por sua visita, se puder deixe seu comentário será muito importante para que eu saiba qual a sua opinião sobre o meu trabalho.

Deixe aqui também suas sugestões e criticas quando quiser

PS.:EU ACEITO CORREÇÕES ORTOGRÁFICAS E AGRADEÇO

Valter Montani

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Clique aqui e leia:

Clique aqui e leia:
Florbela Espanca

Dicas & Afins:

Mais informações:

Este Blog foi criado para divulgar minhas poesias e fotografias e fazer novas amizades. Claro que cultivando sempre as amizades que venho criando no decorrer dos anos. Sou um Poeta que foi "de gaveta" se tornando conhecido graças a Internet e aos amigos que me incentivam e divulgam sempre. A Poesia inicialmente serviu para que eu quebrasse o muro que me separava das demais pessoas, barreira que eu mesmo criei pela postura rebelde e radical. Cada escrito é como se fosse um filho, portanto cuide bem deles e não esqueça sempre de mencionar o nome do pai. Valter Montani Algumas imagens que eu estou utilizando foram encontradas na Internet sem os devidos créditos, qualquer dúvida ou reclamação de autoria peço a gentileza de entrar em contato comigo através do e-mail. Valter Montani "In perpetuum Omnia sunt bominum tenui pendentia filo Peractis peragendis, ermitte divis cetera Post nubilas Phoebus Omnia vincit amor et nos cedamus amori Per omnia saecula saeculorum." da amiga Karla Julia

Sociedade Amigos do Poeta

Sociedade Amigos do Poeta
GRATIDÃO! A galera que me incentivou e então, começou tudo: Chris, Tata, Cristiano, Andre, Eduardo, Christian, Rossi e eu(agachado), clique: Professora Regina Azevedo-MBA de Gestão das Tecnologias da Qualidade - Escola Politécnica da USP

SAL - Serviço de Atendimento ao Leitor

Nome

E-mail *

Mensagem *