18/03/2009

Caravelas


-->
Caravelas

Na ânsia de encontrar
alguém para se amar,
almas sofridas e solitárias
lançam o coração ao mar.

Na forma de caravelas
movidas ao sabor do vento
as vezes na calmaria,
outras, em meio ao tormento.

Navegam em busca do tesouro
que é um verdadeiro amor.
Mas nem sempre conseguem
e atracam no cais da ilusão e dor.

Marujos! como diria *Petrarca
:
"Navegar é preciso"
Porém, se não aportam
na terra de amor prometida:

Levantem âncora e partam
continuem pelos mares a procurar,
pois o importante nessa busca:
é manter o coração a navegar!
Valter Montani

*"Navegar é preciso, viver não é preciso" [?]

No século I a.c., o general romano Pompeu, encorajava marinheiros receosos, inaugurando a frase “Navigare necesse, vivere non est necesse.”
Corria o século XIV e o poeta italiano Petrarca transformava a expressão para “Navegar é preciso, viver não é preciso.”
“Quero para mim o espírito dessa frase”, escreveu depois Fernando Pessoa, confinando o seu sentido de vida à criação.
E cantando a coragem navegante, em jeito de fado brasileiro, Caetano Veloso escreveu Os Argonautas. “Navegar é preciso, viver …” Com um fim inacabado, a música lança as interrogações.
Navegar é preciso?
Sim! Navegar é uma viagem exata. Fazia-se com bússolas e astrolábios. Hoje, faz-se com satélites, GPS’ e www’s.
Viver não é preciso?
Não! É uma viagem feita de opções, medos, forças, inseguranças, persistências, constâncias e transições …
Mais de 2000 mil anos depois, interrogamo-nos:
Viver não é preciso?
Não, quando navegar é sonhar, ousar, planear, arriscar, empreender, realizar…
Porque aí, navegar é viver!
fonte: Universidade de Coimbra - http://www.uc.pt/navegar/
conheça também:POETACARDS
Adicionar artigo ao blinklist Adicionar aos Favoritos BlogBlogs Adicionar artigo ao Del.icio.us Adicionar artigo ao Digg! Adicionar artigo ao DiHitt Adicionar artigo ao Eu Curti Adicionar artigo ao Furl Adicionar esta noticia no Linkk Adicionar artigo ao Rec6 Adicionar artigo ao reddit Adicionar artigo ao Slashdot Adicionar site ao Stumble Adicionar aos Favoritos Technorati Sabedorize esta not¿ia no WebSapiens
Quer ter estes botões no seu site? Acesse

53 comentários:

  1. É verdade amigo poeta, o importante é manter o coração a navegar.
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderExcluir
  2. Certo Elvira!

    a busca é incessante, bjs

    ResponderExcluir
  3. OI!! sabe na verdade todos procuramos um lugar pra atracar nossos coraçãoes... vc araza adoro seus poemas sao lindos
    beijo..E lindo inicio de semana..

    ResponderExcluir
  4. Bom Dia Querido!!!!

    Desculpe a minha ausencia, eu adorei seu poema, assim como eu adoro todos os outros e tudo o que você escreve!!!!

    Tenha uma ótima semana!!!!
    Bjos

    ResponderExcluir
  5. Boa semana a todos, Caravelas foi escrito para criar um clima para a Blogagem Coletiva da Florbela Espanca.

    saudações poéticas!

    ResponderExcluir
  6. Estou vendo que assim como eu estás empolgadíssimo com esta blogagem não é mesmo?rsrs
    Eu estou super ansiosa!
    Caravelas é um poema lindo meu querido, como tudo que escreves!
    Um grande beijo e uma semana de paz pra você!
    Serena.

    ResponderExcluir
  7. Amigo, quando somos obrigados por problemas maiores a deixar um grande amor na juventude da vida e que depois de 43 anos de espera somos procurados por esse mesmo amor, realmente esse poema veio a calhar com essa situação. NAVEGAR É PRECISO e nunca desitir.
    Simplesmente maravilhoso seu poema
    Parabéns !!!

    ResponderExcluir
  8. "Na busca de um porto seguro
    navegamos por mares obscuros,
    com por tormenta e calmaria
    essa é a sina do Poeta e da Poesia"

    obrigado Serena e Vera.

    ResponderExcluir
  9. Olá querido Valter, mantermos o coração a navegar, eis uma questão pertinente mas saudavél... Boa Noite Poeta Amigo...A D O R E I ...
    Beijinhos de carinho e ternura,
    Fernandinha

    ResponderExcluir
  10. Primeira vez que visito teu blog e simplesmente adorei!!!

    sou dona dos versos perdidos e serás sempre muito bem vindo lá!


    http://versosperdidosdefernanda.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Boa noite, Valter...

    Içar velas!
    Navegar é preciso,
    amar é mais que preciso:
    é imprescindível!

    Bjs.

    Boa semana!
    =)

    ResponderExcluir
  12. Obrigado Fernandas e Flor, continuem a navegar pelo Oceano do Amor, rimou, rs

    ResponderExcluir
  13. Navegar é preciso, encontrar um amor, mais preciso ainda.
    Beijinhos de sol!

    ResponderExcluir
  14. Boa tarde,poeta..que sua tarde seja doce e linda como seus poemas...adorei!!!

    bjinhos de Luz....

    ResponderExcluir
  15. Navegando pelas águas do amor, atraquei aqui, baixo minha âncora e fico. Lindo poema.
    Beijos de rimas prá você.
    Cleo

    ResponderExcluir
  16. To retirando o meu do mar amigo Valter. Sai mordido, sangrando, mas ao menos sai...
    Talves nao queira ver o mar por um longo tempo.
    Mas é assim que as grandes tempestades terminam, arrasando sempre por onde passam.
    Lindo poema.


    "Mesmo que as pessoas mudem e suas vidas se reorganizem, os amigos devem ser amigos para sempre, mesmo que não tenham nada em comum, somente compartilhar as mesmas recordações."
    Vinícius de Moraes

    Passando, deixo-te um abraço amigo

    ResponderExcluir
  17. Obrigado Ana, Izis minha parceira de cartões (boas férias), Cleo obrigado por aportar aqui e Luz de Lua, lhe digo com experiência de vida que o sofrimento deve
    ser compreendido como oportunidade de crescimento,no próximo porto você estará mais preparada para enfrentar qualquer imprevisto.
    O medo de vislumbrar o inferno nos cega impedido de vislumbrarmos o Paraíso.

    saudações poéticas!

    ResponderExcluir
  18. Lindo Valter este poema,aonde vc faz uma analogia entre nossas almas em busca do amor perfeito com as caravelas lançadas ao mar. Quantas vezes amando e sendo amados trafegamos em mar calmo e ás vezes revolto como bem descreves em tua poesia. Bela comparação,lindo texto,navegar é preciso sim,buscar um amor é necessário sim. Abraços.

    ResponderExcluir
  19. "Navegar é preciso" num mar...de amar, como teu poema tão bem sugere
    beijos

    ResponderExcluir
  20. Olá Valter...
    Um acaso fez-me chegar até aqui!
    Gostei muito das suas palavras, da forma tão única como deixa trespassar os meus sentimentos, devaneios e afins!

    Visite os meus cantinhos...

    Cumprimentos intemporais...

    ResponderExcluir
  21. Obrigada pelo carinho e gentileza ao fazer o comentário no Alma Poeta meu querido!
    Bjs.

    ResponderExcluir
  22. Oi,gostei de teu blog!interessante!

    Entre em meu blog!e veja meus textos!os sentimentos e emoções das palavras!

    http://reefugio.blogspot.com

    deixe seus comentários!pois suas palavras serão importante para mim!

    ResponderExcluir
  23. Parabéns pelo aniversário deste blog tão lindo e querido por mim!
    Que ele continue sempre assim, belo e perfumando nossos dias com os belos poemas encontrados aqui!
    Felicidades meu querido...pra você e pro seu lindo blog! Sucesso sempre!
    Bjs...Serena.

    ResponderExcluir
  24. meu caro amigo,obrigado por seu comentario,volte sempre,que post todos os dias!

    e deixe suas palavras,pois será especial para mim!

    ResponderExcluir
  25. É verdade Valter, quem não navega fica olhando da praia sofrendo de inveja! Muito lindo! Abraço

    ResponderExcluir
  26. Obrigado Serena,como eu havia lhe falado, eu passei batido e não me lembrei que meu blog completava o 1º aniversário em 27/11, bem que eu comecei mesmo em março/abril de 2008.Mas muito obrigado pela lembrança.
    Marcos pode deixar que lhe visitarei mais vezes e volte sempre.
    Tossan amigo, obrigado pela visita e comentário.

    ResponderExcluir
  27. Falar ou comentar uma poesia sua, me deixa lisonjeada, pois vc possui uma grande riqueza, dentro do teu coração, que é a sabedoria e a inteligência. O seu maior tesouro é distribuído através das poesias, cartões e versos assim postados por você. E ai esta mais uma prova disso através da poesia "Caravelas".
    Quero lhe parabenizar por mais uma das muitas poesias feitas por vc.
    Linda de mais "Caravela" e dedico-lhe este pequeno trecho com carinho.
    "Na ânsia de encontrar
    alguém para se amar,
    almas sofridas e solitárias
    lançam o coração ao mar".

    Cheiros no coração amigo Valter.

    ResponderExcluir
  28. O amor impõe busca sem fim ao viver do amante.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
  29. Valter, gostei muito da sua visita. Além de ter adorado os seus cartões, econtrei neste poesias lindas e de qualidade.
    Parabéns e sucesso!


    Beijos e volte sempre!

    ResponderExcluir
  30. Obrigado Célia, Cadinho, Tatah e SAM, eu costumo visitar os blogs de quem comenta e retribuir comentando, mas deixo aqui registrado meus sinceros agradecimentos.

    saudações poéticas!

    ResponderExcluir
  31. Lindo!
    E tão verdadeiro....
    Que pena...
    Tudo seria tão melhor, tão maravilhoso se não fosse tão verdadeiro!!!
    Bjs...Dina

    ResponderExcluir
  32. Passando pra te deixar um beijo e te desejar um fim de semana maravilhoso meu querido! Bjs.

    ResponderExcluir
  33. Olá querido Valter, votos de bom Domingo... Beijinhos de carinho e ternura,
    Fernandinha

    ResponderExcluir
  34. Ichi, Serena e Fernanda, obrigado pela visita, logo mais teremos a Blogagem coletiva da Florbela,bjs

    ResponderExcluir
  35. Olá meu querido amigo e poeta !.
    Navegar sempre nos foi preciso.
    Mas sempre ao encontro de belas poesias, assim como as suas.
    Parabéns, por esse dom tão iluminado.
    Uma semana repleta de muita paz, amor e luz.
    da sua amiga.
    Regina Coeli.

    Te aguardo em meu cantinho.

    ResponderExcluir
  36. Como não navegar, se o coração é feito da água do mar? Não há jeito de nele não se lançar nem seus mistérios desbravar... Abraço!

    ResponderExcluir
  37. Como quem já está acostumado a visitar meu blog já sabe eu sempre
    republico alguns textos para que as pessoas que estão conhecendo possam ler.
    Quem já viu este texto de uma olhada no menu, escolha outro e boa leitura.

    saudações poéticas!

    ResponderExcluir
  38. VALTER
    Passei para dizer que Poesia é arte.
    Obrigada por momentos bonitos
    Um beijo
    lili Laranjo

    ResponderExcluir
  39. Vanda e Lilli

    na impossibilidade de agradecer diretamente à vocês pois não deixaram um Blog próprio ou e-mail, deixo aqui meus agradecdimentos e esperos que voltem em breve. bjs

    ResponderExcluir
  40. Valter,
    Poderá visitar-me no meu cantinho:
    http://vmmr.blogspot.com/
    (ONTEM- HOJE- AMANHÃ)

    Um abraço desde Portugal
    Vanda

    ResponderExcluir
  41. OLÁ VALTER E LINDISSIMO SEU BLOG SÓ FIQUEI TRISTE DE SABER QUE VC SAIU DO ORKUT, NÓS PRIVANDO DE TANTAS POESIAS E PALAVRAS SABIAS QUE TEU TE GUARDE E CUIDE SEMPRE DA AMIGA NANYNHAM DEL BJS EM SEU CORAÇÃO.

    ResponderExcluir
  42. OLÁ VALTER E LINDISSIMO SEU BLOG SÓ FIQUEI TRISTE DE SABER QUE VC SAIU DO ORKUT, NÓS PRIVANDO DE TANTAS POESIAS E PALAVRAS SABIAS QUE TEU TE GUARDE E CUIDE SEMPRE DA AMIGA NANYNHAM DEL BJS EM SEU CORAÇÃO.

    ResponderExcluir
  43. Amigo Valter, reli este belo poema.

    Um beijo

    ResponderExcluir
  44. Muito bom vir aqui, lindas poesias.
    Agradeço sua visita, seja bem-vindo.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  45. Valter,
    Parabéns por içar suaas velas navegar mar à fora e se deixar ser navegado. Em cada blog que você aporta é mais um passageiro que você conquista. Avante!!! amigo seja um conquistador de todos os mares,. além de você ter talento, não tem medo soltar as cordas. Um bom final de semana e um bom começo de outono.
    Um abraço,
    Dalinha

    ResponderExcluir
  46. e que o coração nunca deixe de ter forças para navegar nas caravelas da esperança
    beijos

    ResponderExcluir
  47. Valter, dizer mais o quê?
    Simplesmente linda e verdadeira sua poesia.
    É sempre tão bom vir até aqui e ler suas frases e poesias... Enchem meu coração e iluminam minha alma.
    Obrigada!
    Angel

    ResponderExcluir
  48. Um belo e romântico texto!
    Parabéns amigo!

    ResponderExcluir

Olá Visitante, Amigo & Parceiro

Obrigado por sua visita, se puder deixe seu comentário será muito importante para que eu saiba qual a sua opinião sobre o meu trabalho.

Deixe aqui também suas sugestões e criticas quando quiser

PS.:EU ACEITO CORREÇÕES ORTOGRÁFICAS E AGRADEÇO

Valter Montani

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Clique aqui e leia:

Clique aqui e leia:
Florbela Espanca

Dicas & Afins:

fale@comigo

Minha foto

Sou um Poeta que outrora oculto, graças ao incentivo de amigos vem publicando seus escritos através dos Blogues: "Valter Poeta" e "poeta Cards", os quais tenho a honra de convidar-lhe a conhecer.

http://valterpoeta.blogspot.com/
http://poetacards.blogspot.com/
http://clickdopoeta.blogspot.com/
http://bloglivrovalterpoeta.blogspot.com/

Valter Montani, Casado, Economista, Auditor de Meio Ambiente pela   Fundação Vanzolini,   Especializado em    Qualidade pelo PECE-Escola Politécnica da USP.
ATENÇÃO: 
 ALGUMAS IMAGENS UTILIZADAS NOS MEUS BLOGUES SÃO ORIUNDAS DA NET, SEM OS DEVIDOS CRÉDITOS. 
QUALQUER PROBLEMA FAVOR ENTRAR EM CONTATO. MEUS BLOGUES NÃO VISAM NENHUM TIPO DE LUCRO FINANCEIRO, FORAM CRIADOS APENAS PARA DIVULGAR MINHAS POESIAS, PENSAMENTOS E FOTOGRAFIAS.

SAUDAÇÕES!

Valter Montani

Mais informações:

Este Blog foi criado para divulgar minhas poesias e fotografias e fazer novas amizades. Claro que cultivando sempre as amizades que venho criando no decorrer dos anos. Sou um Poeta que foi "de gaveta" se tornando conhecido graças a Internet e aos amigos que me incentivam e divulgam sempre. A Poesia inicialmente serviu para que eu quebrasse o muro que me separava das demais pessoas, barreira que eu mesmo criei pela postura rebelde e radical. Cada escrito é como se fosse um filho, portanto cuide bem deles e não esqueça sempre de mencionar o nome do pai. Valter Montani Algumas imagens que eu estou utilizando foram encontradas na Internet sem os devidos créditos, qualquer dúvida ou reclamação de autoria peço a gentileza de entrar em contato comigo através do e-mail. Valter Montani "In perpetuum Omnia sunt bominum tenui pendentia filo Peractis peragendis, ermitte divis cetera Post nubilas Phoebus Omnia vincit amor et nos cedamus amori Per omnia saecula saeculorum." da amiga Karla Julia

Sociedade Amigos do Poeta

Sociedade Amigos do Poeta
GRATIDÃO! A galera que me incentivou e então, começou tudo: Chris, Tata, Cristiano, Andre, Eduardo, Christian, Rossi e eu(agachado), clique: Professora Regina Azevedo-MBA de Gestão das Tecnologias da Qualidade - Escola Politécnica da USP

SAL - Serviço de Atendimento ao Leitor

Nome

E-mail *

Mensagem *