12 abril 2021

Amor Medieval (repostagem)

imagem Google images  obtida sem autoria

  Mulher formosa criatura 
  Que habita o vale de meus pensamentos, 
 No fundo é o teu desejar 
 Apoderar-se de meus sentimentos. 

 Eu, cavaleiro de fina nobreza, 
 Sempre pronto para o bom combate
 Despreparado para a esta contenda
 Pois é pelo desejo que tu me abate. 

 Ao sentir sua doce presença 
 Um frio corre-me a espinha 
 E me acende um louco anseio, 
 Que sejas minha rainha.

 Teus cabelos macios e perfumados 
 Emolduram teu rosto sedutor 
 Tornando-me ainda mais desejoso
 De fazer-me serviçal do teu amor. 

 No teu corpo voluptuoso 
 Os seios saltam-me à vista 
 E aturdem ainda mais minha mente 
 Já dominada pelo fogo da cobiça.

 Tua cintura esguia e escultural 
 Encaminha-me os olhos até tua generosa anca 
 Onde imagino minhas mãos repousadas 
 Como a segurar um brinquedo uma criança

 E obcecado por este desejo 
 Sigo enfeitiçado por meu caminho
 Louco por sentir o gosto do teu beijo
 Ávido por ser digno do teu carinho. 

 Se um dia você quiser satisfazer 
 Estes desejos que vivo a sonhar 
 Venha num súbito rompante 
 E me faça teu vassalo sem chance de escapar. 

 Jogue-me na masmorra de seu castelo
 Submeta-me a tortura e a dor 
 Mas não deixe nunca que eu morra 
 Sem ser agraciado pelo teu amor. 

 Ou então, seja ainda mais rápida 
 Não tenha piedade de meu coração 
 Introduza-lhe a espada da recusa
 E liberte-me do grilhão da ilusão. 

 © Valter Montani
 revisão de texto: Regina Azevedo
 Gostou desse post? assine e receba outros
através de seu e-mail:Siga-me
conheça meus blogs de cartões & fotografias:


5 comentários:

  1. Boa noite amigo querido,
    como vc poeta lindamente Valter, com a alma sincera, com ilusão ou sem , consegue prender-nos em teus docês contos poéticos.
    As canções saõ tdas a meu ver, muito lindas, aliás nosso, vc quem as escolhe ... :)
    Sucesso meu anjo e muito amor em teus dias desta semana que inicia.
    Com amor amigo/ Célia musical.

    ResponderExcluir
  2. Oi Valter

    Gostei da rima... rs
    Passei pra conhecer, adoro poesias, o blog é lindo.
    Ah sobre a parceria aceito sim.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  3. Ola querido! tive a ousadia de posta um poema seu que achei lindo! mais tenha certeza que dei o devido credito .bjos e otima noite

    ResponderExcluir
  4. Valter, bom dia!

    Que linda poesia de amor!
    Ela nos transporta para um outro século,mas qualquer que seja a época, o amor fascina,é mágico e é tão bom vivenciá-lo!
    Seus versos são lindos!
    Agradeça a Deus por vc ter esse dom maravilhoso, o de nos encantar através da escrita.
    Parabéns!

    Meu carinho de sempre...bjs da amiga,

    Annemarie.

    ResponderExcluir
  5. Olá, amigo Valter!

    Não recebi seu anterior comentário, aquele que escreveu, mas não chegou até meu blog.
    No seu post sobre o Dia Internacional da Mulher, creio que deixei lá um comentário, mas não o vejo por lá. Sei que o poema é repostado, mas já tinha recebido comentários desse ano, 2021.

    Esse seu poema com data do dia 12 desse mês (12/04/21) é tb repostagem, mas tem uma beleza enorme. Você quer o amor da amada, nem que isso lhe custe a vida.

    Fico feliz por saber que você e família estão na Corunha, cidade fronteiriça no noroeste espanhol e pertencente à Galiza. Aí, quase que falam português. Eu não conheço a Corunha, mas pelo que me diz é bonita e acessível em todos os aspetos. Assim, decerto que você irá ficar por aí. O seu Brasil vai de mal a pior, como sabe através dos meios de comunicação social.

    Que tudo vos corra bem, meu amigo.

    Saludos e abrazucos.

    ResponderExcluir

Olá Visitante, Amigos & Parceiros

Obrigado por sua visita!
Se puder deixe um comentário, seu feedback sobre o meu trabalho é muito importante.
Neste Blog Livro, basta selecionar o link nos índices e acessar o texto.
Se encontrar algum link com defeito, rogo que me informe.

Deixe aqui também suas sugestões e criticas quando quiser.

VOLTE SEMPRE!

PS.:EU ACEITO E AGRADEÇO CORREÇÕES ORTOGRÁFICAS.

Valter Montani

Postagem em destaque (clique no título)

Cigana

Cigana Toma as minhas mãos, Minha misteriosa Cigana Leia agora meu destino Pois o Poeta não se engana. Sei ler o brilho d...

Page copy protected against web site content infringement by Copyscape


MEUS BLOGS:

Clique aqui e leia:

Clique aqui e leia:
Florbela Espanca

Dicas & Afins:

Mais informações:

Este Blog foi criado para divulgar minhas poesias e fotografias e fazer novas amizades. Claro que cultivando sempre as amizades que venho criando no decorrer dos anos. Sou um Poeta que foi "de gaveta" se tornando conhecido graças a Internet e aos amigos que me incentivam e divulgam sempre. A Poesia inicialmente serviu para que eu quebrasse o muro que me separava das demais pessoas, barreira que eu mesmo criei pela postura rebelde e radical. Cada escrito é como se fosse um filho, portanto cuide bem deles e não esqueça sempre de mencionar o nome do pai. Valter Montani Algumas imagens que eu estou utilizando foram encontradas na Internet sem os devidos créditos, qualquer dúvida ou reclamação de autoria peço a gentileza de entrar em contato comigo através do e-mail. Valter Montani "In perpetuum Omnia sunt bominum tenui pendentia filo Peractis peragendis, ermitte divis cetera Post nubilas Phoebus Omnia vincit amor et nos cedamus amori Per omnia saecula saeculorum." da amiga Karla Julia

SOCIEDADE AMIGOS DO POETA

SOCIEDADE AMIGOS DO POETA
GRATIDÃO! A galera que me incentivou e então, começou tudo: Chris, Tata, Cristiano, Andre, Eduardo, Christian, Rossi e eu(agachado), clique: Professora Regina Azevedo-MBA de Gestão das Tecnologias da Qualidade - Escola Politécnica da USP

SAL - Serviço de Atendimento ao Leitor

Nome

E-mail *

Mensagem *