07/06/2011

Palavras soltas (inédita)


Palavras Soltas

No amanhecer de meu corpo
recebo a intensidade matutina
a sentir o perfume que inebria
o sabor que na boca impregna.

Encontro então palavras soltas
para descrever a minha gratidão
à existência da alma feminina,
e os versos surgem da emoção.

Tolo seria se não soubesse
quem sem ela jamais viveria
sequer aqui poderia eu estar
a demonstrar minha alegria.

Sou cavaleiro da ordem de Maria
não detenho o saber de Hermes
amigo e protegido por feiticeiras
  apenas derramo minhas fantasias.

Cumpro apenas  a minha sina
de cantar a todos essa devoção
por tudo aquilo que me fascina
e preenche de luz meu coração.

Valter Montani
07/06/2011 
visite: Clicksdopoeta: fotografias e afins 

Selos & Prêmios : Galeria do Poeta 

Poetacards: cartões com pensamentos

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

POSTS MAIS COMENTADOS