20/12/2010

Paixão

 Paixão

Paixão, estranha forma de amor
sentimento cruel e avassalador,
para alguns concede alegrias,
a outros só  amargura e  dor.

Paixão, incendiário jeito de amar
queima o corpo e sufoca a alma,
conduz ao calabouço do desejo
 subtraindo a razão e a calma.

Paixão, inexplicável e louco amor
que chega assim sem hora marcada,
 depressa dentro do peito faz morada
deixando ali, suas chagas e amargor.

Paixão, incompreensível modo de amor
que quase sempre machuca onde passa
faz em quem vivencia uma grande devassa
deixando-lhes reféns desse imenso clamor.
 
Mas, mesmo assim, isso não há de ser nada
com esforço e perseverança, tudo se esquece,
uma  paixão,  da forma que começa  termina
e no horizonte, um novo dia sempre amanhece.

Valter Montani

Visite meu blog de cartõe:   POETACARDS 
Selos &  Prêmios: GALERIADOPOETA 
Livro Virtual:POETACARDS
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

POSTS MAIS COMENTADOS